Teoria e Percepção Musical

MARCIO EDUARDO

O que é?

 

O curso de Teoria e Percepção Musical está organizado de forma que o aluno amplie o seu conhecimento prático das aulas de instrumento/canto, onde ele vai compreender importantes conceitos musicais tais como: saber identificar as notas na partitura, conhecer as escalas e os intervalos musicais, saber sobre formação de acordes e sobre o campo harmônico.

Também neste curso, desenvolve-se no aluno a sua percepção rítmica, melódica e harmônica através de solfejos e ditados, sempre contextualizados com os conteúdos vistos em aula.

Realizado em diferentes módulos e níveis. Turmas de nível iniciante, médio e avançado além de aulas individuais.

 

 

Marcio Eduardo Melo é tecladista e produtor musical locado no Rio de Janeiro. Ele é amplamente conhecido por sua fabulosa sensibilidade artística e por recriar em cada performance a experiência emocional de uma vida inteira. Sua trajetória musical começou na adolescência quando se interessou pelo piano na igreja e recebeu educação musical consistente nas escolas FAETEC, Instituto Villa-Lobos, CIGAM e Universidade Estácio de Sá.  

Como tecladista, começou a tocar aos 18 anos em bandas de música popular nas noites cariocas e em grandes casas de espetáculo. Trabalhou na banda do Caldeirão do Huck, e lá teve a oportunidade de acompanhar grandes nomes da música brasileira e internacional como Daniela Mercury e Alejandro Sanz. Mais tarde se enveredou pela MPB, onde tocou em casas noturnas e restaurantes. Participou do movimento OutrosSim, onde conheceu e tocou com artístias e músicos da MPB.
.
No teatro, participou como tecladista da Oficina de Teatro dirigida por Ernesto Piccolo e Rogério Blat, onde conheceu o diretor Marcio Vieira que o chamou para compor trilhas para peças teatrais como “O Garoto Que Não Sabe Rir (2008)”, “Quando as máquinas param” (2010), “O último Capítulo” (2018). Paralemamente ao seu crescimento como compositor de trilha sonora, passou a trabalhar como diretor musical em espetáculos importantes como “Favela 1 e 2 e “Casa Grande e Senzala - Manifesto Musical Brasileiro, com direção de Ribamar Ribeiro.

Também como compositor, produziu as trilhas dos curtas “Soro Positivo“, de Ed Lopes, “Um leão por dia”, de Ruy Albernaz e “Qual é“, produzido pelos alunos do curso Educação do Olhar, premiado como melhor filme pelo juri popular do animarte 2006.

Informações da Oficina:

----------------------------------------------------------

Período:

08 de Maio a 18 de Dezembro

---------------------------------------------------------

Dias:

Quartas

---------------------------------------------------------

Horário:

18:00 às 20:00h

---------------------------------------------------------

Carga horária:

Atividade Continuada

---------------------------------------------------------

Preço:

150,00 Mensais

---------------------------------------------------------

Forma de Pagamento:

À vista (dinheiro, cartão de débito)

---------------------------------------------------------

Local:

Espaço das Artes - Os Ciclomáticos 

Rua de Santana, 119, Lojas A, B, C e D – Centro (em frente à Igreja de Santana)

---------------------------------------------------------

Contatos:

(21) 2509-5537 / (21) 98039-5518

oficinas.espacodasartes@gmail.com